Localizado no recente Four Seasons Casa Medina, o restaurante Castanyoles se destaca na cena gastronômica da Zona G de Bogotá.

 

O chef executivo da antiga Casa Medina Bogotá, Pablo Peñalosa, mexicano com passagens por restaurantes espanhóis como El Celler de Can Roca – considerado um dos melhores do mundo – e Martín Berasategui, se uniu ao já veterano chef de cozinha do Four Seasons, Lucas Curcio, que oferece pratos ensinados por sua avó espanhola e, juntos, formaram a equipe que destacaram o Castanyoles como um dos mais renomados restaurantes da capital colombiana.

 


Decoração

Diferente da decoração do hotel que é mais rústico e colonial, o restaurante tem um estilo mais moderno e despojado, não obstante, acolhedor e aconchegante.

Um recurso inteligente aproveita o clima favorável de Bogotá (que costuma ser raro): o teto de vidro se retrai, transformando Castanyoles instantaneamente em uma experiência de jantar ao ar livre.

Ao lado do espaço principal, uma lareira de pedra cria um enclave aconchegante aquecido pelo calor sob pavimento de azulejos espanhóis em noites frias.

restasurante-castanyoles-four-seasons-casa-medina-bogota-24

four-seasons-casa-medina-bogota-castanyoles-1

four-seasons-casa-medina-bogota-castanyoles-2

four-seasons-casa-medina-bogota-castanyoles-3

restasurante-castanyoles-four-seasons-casa-medina-bogota-3

restasurante-castanyoles-four-seasons-casa-medina-bogota-2


Pratos

Além de deliciosos pratos, o restaurante oferece cocktails, sendo especializado em sangrias. A primeiro foto é de uma degustação de sangrias que começa da mais fraca para a mais forte. Totalmente diferente do que conhecemos como Sangria aqui no Brasil.

As tradicionais tapas são a estrela do menu, misturando a influência espanhola com os temperos e ingredientes colombianos.

Primeiro pedimos as papas bravas, de-li-ci-o-sas, depois tostas de morcilla, com sangue de touro (socorro!), maçã caramelizada e pimenta.

Seguindo a ordem das fotos abaixo, a quarta foto é o polvo, chamado de pulpo a la feria, que vem acompanhado de espuma de batatas. O valor aproximado desta entrada é de R$ 40, 00.

Como prato principal, a indicação é o recém estreado arroz caldoso, feito com lagosta, lula e moluscos. Você pode optar pelo prato individual (95 mil pesos) ou para compartilhar (180 mil pesos), que equivale respectivamente a R$126 e R$240 reais.

Ainda como prato principal, pedi o peixe mero acompanhado de aspargos. Estava muito saboroso, pena que já tinha comido um monte de pão da entrada e todas as batatas bravas possíveis. Valor 50 mil pesos = R$ 40 reais.

Para a sobremesa, pedi churros. Esperava churros maiores, confesso, estilo San Ginés, mas o interessante dele foi o molho cítrico. Os churros geralmente vêm acompanhados de doce de leite, enquanto esse veio acompanhado de chocolate mas também de molho laranja. Inventivo.

Para fechar, não podia faltar o carajillo, bebida típica espanhola (muito comum também no México), que combina café com brandy, whisky, anisette ou rum. No México eles usam o Licor 43. Serve como um bom energético pré balada, digamos. 🙂

Gostei muito e não posso deixar de citar o excepcional atendimento do restaurante que acompanha o nível do serviço Four Seasons.

restasurante-castanyoles-four-seasons-casa-medina-bogota-4

restasurante-castanyoles-four-seasons-casa-medina-bogota-5

restasurante-castanyoles-four-seasons-casa-medina-bogota-6

restasurante-castanyoles-four-seasons-casa-medina-bogota-9

restasurante-castanyoles-four-seasons-casa-medina-bogota-15

restasurante-castanyoles-four-seasons-casa-medina-bogota-11

restasurante-castanyoles-four-seasons-casa-medina-bogota-17

restasurante-castanyoles-four-seasons-casa-medina-bogota-20


Horários:

Segunda à Sábado das  7h am às 11h pm
Domingo das 7h am às 6h pm

Endereço:

No coração da Zona G, dentro do Four Seasons Hotel Casa Medina Bogota na Calle 69ª #6-24

 


Texto e Fotos:  Dalila Barakat

Matéria apoiada #ap

Visita realizada em 5 de novembro de 2016


 

Confira aqui como é hospedar-se no Four Seasons Casa Medina

 


 

Facebook Comments

2 Comentários