Rei Arthur foi provavelmente um dos primeiros monarcas do Reino Unido. Sua história é repassada de geração em geração, tanto para ingleses quanto para centenas de pessoas que têm interesse na história de um dos cavaleiros mais conhecidos e respeitados do mundo.

No entanto, além das histórias do governante, com seu exército e sua amada, o que sabemos ainda é pouco, se levado em conta que nem tudo foi provado. Mas, a ilha de Tintagel, localizada na costa norte do condado da Cornualha, é considerada por muitos o local de nascimento do rei Arthur.

O castelo que foi construído no século cinco, está hoje em ruínas, mas pode-se dizer que ainda é bem conservado, já que no século 13 foi todo restaurado. O fato do local ser onde o rei Arthur nasceu, fez de Tintagel um novo destino turístico na Cornualha e só em 2015, o local recebeu cerca de 200 mil visitantes.

As ruínas são consideradas as maiores atrações do local e o motivo pelo qual a ilha atrai tantos visitantes. Além do castelo, que é possível conhecer tanto a área interna quanto a externa, a Caverna de Merlim é outro ponto que atrai os turistas. Apesar de não ter nada de extraordinário, a lenda diz que a gruta era o local de encontro com o famoso mago Merlim.

A natureza dalí com certeza é um outro atrativo. As ruínas históricas são cercadas de muito verde e do mar. Quem visita o castelo e vai até o topo de Tintagel, garante que a vista lá do alto é encantadora.

Para chegar até o topo da montanha em que está o castelo há dois caminhos: uma antiga ponte de pedra ou uma série de escadas de madeira, mas que são de difícil acesso. E, então, ficou interessado em visitar o lugar? Bem agora que o Reino Unido saiu da UE? rs

tintagel-ilha-rei-arthur

tintagel-rei-arthur-escadaria-2

tintagel-rei-arthur-escadaria

tintagel-rei-arthur-merlim

tintagel-rei-arthur-ruinas-castelo

tintagel-rei-arthur

 


Fonte: Panrota

Fotos: Giuseppe Milo


Veja também:

 

Novos monumentos de Stonehenge são revelados

 

Giethoorn, a cidade holandesa onde não há ruas!

 

O que você conhece sobre Lapônia, a terra do Papai Noel?

 

Cidade egípcia perdida é encontrada após 1200 anos

Facebook Comments

Sem Comentários