Por que será que as ruínas de Teotihuacan são o sítio arqueológico mais visitado do México?


LOCALIZAÇÃO DE TEOTIHUACAN

 

Teotihuacan, que também era conhecida como a Cidade dos Deuses, está localizada no que hoje é o município de San Juan Teotihuacán, no estado do México.

Está a cerca de 40 km a nordeste da Cidade do México, 50min de carro (sem trânsito).

Sua altitude entre 2.240 m e 3.200 m no pico de Cerro Gordo e faz parte da Bacia do México.

O local abrange uma área total de 83 km2 e foi designado como Patrimônio Mundial pela UNESCO em 1987.


COMO CHEGAR EM TEOTIHUACAN 

 

  • Você pode alugar um carro e ir dirigindo pois a estrada é super tranquila e dá para chegar facilmente com o waze e/ou seguindo as placas.
  • Pode ir de uber, não sai tão caro se você viaja com dólares. Custa uns USD 70 dólares. E te dá mais liberdade que as opções seguintes.
  • Se gosta de estar em grupo, você pode ir de ônibus/van com uma das diversas agências que vendem excursão na CDMX. Custa em torno de USD 50 dólares por pessoa.
  • Uma quarta opção, e a mais barata, é ir de ônibus de linha, por conta própria. Há uma empresa que se chama Autobuses Teotihuacan e os ônibus saem do Terminal Central de Autobuses del Norte (Terminal Norte), a cada 20 min.. Custa 44 Pesos Mexicanos (R$8).
  • Em tempos de Uber e Cabify ninguem mais usa taxi, né? O trecho com eles custa aprox USD 120 dólares. Obviamente não compensa.

A maioria das pessoas faz esse passeio combinado com a visita à Basílica de Guadalupe, passando antes por essa e chegam por volta do m eio dia nas pirâmides. Eu acho loucura!

Prefiro ir bem cedo ao complexo e depois, almoçar e passar a tarde no Zócalo (centro histórico da CDMX).

Ou pelo menos sugiro fazer o inverso das excursões: vá primeiro às pirâmides de depois à Basílica, assim, você pega ambos lugares menos cheios. 😉


HISTÓRIA DE TEOTIHUACAN

 

Teotihuacan, Teotihuacã ou Teotihuacán, foi um centro urbano da Mesoamérica pré-colombiana.

Além dos edifícios piramidais, Teotihuacan também é antropologicamente significativa por:

  • seus complexos residenciais multi-familiares
  • pela Avenida dos Mortos
  • e por seus murais que se encontram bem preservados até hoje
  • além disso, Teotihuacan exportou um estilo de cerâmica e ferramentas de obsidianas finas que conquistaram prestígio em toda a Mesoamérica.

Acredita-se que a cidade tenha sido estabelecida em torno de 100 a.C., sendo que os principais monumentos foram construídos continuamente até cerca de 250 d.C.

A cidade pode ter durado até algum momento entre os séculos VII e VIII, mas seus principais monumentos foram saqueados e sistematicamente queimados por volta de 550 d.C.

No seu apogeu, talvez na primeira metade do primeiro milênio d.C., a cidade Teotihuacan foi a maior cidade da América pré-colombiana, com uma população de mais de 125 mil pessoas, tornando-se, no mínimo, a sexta maior cidade do mundo daquela época.

Teotihuacan começou como um novo centro religioso nas terras altas mexicanas em torno do primeiro século d.C.


O QUE FAZER EM TEOTIHUACAN 

 

  • Passear pela Av dos Mortos, subir as 2 pirâmides e visitar os demais templos dentro do complexo.
  • Andar de balão sobre o complexo. Ideal chegar antes das 7ham para ver o nascer do sol e poder visitar o complexo ainda vazio, logo após.
  • Passear pela zona arqueológica de bike! O encontro é em San Martín das Pirâmides, a 12 km do sítio arqueológico. Dura pelo menos 3 horas.
  • Estes passeios cobrem a região das pirâmide e, em alguns casos, muitos lugares turísticos vizinhos, como as piscinas de Atlantongo, San Sebastián Xolalpan, Tetila, o bairro dos nobres em Teotihuacan; ou Atetelco, a escola dos guerreiros; Tepatitla e o paraíso de Tláloc.

  • Passeio pelo Jardim Botânico localizado exatamente do lado da Pirâmide do Sol. Uma área dedicada à conservação por volta de 60% da flora do território mexicano, onde irá encontrar nopales, tejocote, capulines, abacates, figos, limas, chabacanos, ameixas, cerejas, sábila (aloe vera) e cáctus como agaves, biznagas, nopales e abrojos
  • Além disso, existem outras atividades como ecoturismo e trekking, caminhadas, gotcha, tirolesa e camping.

  • A 5 min das pirâmides de Teotihuacan, você encontrará o parque temático México Reino Animal, que alberga animais de diferentes partes do mundo podendo realizar o passeio de safári e admirando búfalos, veados, dromedários, bisões, girafas, zebras e leões.
  • Festival Internacional da Obsidiana, de 16 a 21 de março. Este festival procura divulgar o trabalho dos artesãos e artistas que rodeiam Teotihuacan. A comemoração se estende durante vários dias e com várias atividades.

 

 


 MISTÉRIOS DE TEOTIHUACAN

 

Para entender os mistérios das antigas civilizações que construiriam e habitaram este complexo, bem como, entender os significados de cada templo, assista a esse video.

 

 

 


DICAS GERAIS

 

  • Para ir direto à Pirâmide do Sol, comece pelo portão 3. Essa costuma estar mais cheia, sempre. Seus degraus são estreitos e muito longos, portanto, a subida costuma ser bem puxada, até para aqueles que têm bom preparo físico. Até porque tem o tema da altitude também, que não estamos adaptados.
  • Para ir direto à Pirâmide da Lua, comece pelo portão 2. Essa enche menos e você pode subir até a metade dela apenas. Os degraus dessa são menos estreitos que os da Sol, portanto, a subida é menos puxada.
  • Você pode deixar o portão 5 , onde estão o Museu do Sitio e as barracas de comida ao longo da estrada, para o final.
  • Nós começamos pelo portão 1. Se você pensar na lógica, faz sentido. 🙂
  • Há guias disponíveis em todos os portões de acesso e eles podem ser contratados para contar a história do lugar, mas eu prefiro o meu guia que está no video acima, ele é bem diferenciado de todos.
  • Leve na sua mochila um chapéu/boné, óculos de sol, protetor solar, água e snacks. Há pouca coisa de comida para vender lá fora do complexo e nada dentro.
  • Mesmo que esteja aparentemente frio e nublado, lá faz muito sol durante todo o ano, além disso, subir as escadarias vai te dar calor, portanto não precisa ir muito agasalhado.

 


 

ALGUMAS FOTOS QUE NÃO ESTÃO NO VÍDEO

teotihuacan-mexico-12-mapa

Mapa do complexo. Observe ele antes para planejar bem seu tempo.

teotihuacan-mexico-14

Início da Avenida de Los Muertos com a Pirâmide do Sol à frente e à direita e a Pirâmide da Lua bem ao fundo. (Entrada portão 1)

teotihuacan-mexico-8

Pirâmide da Lua vista através do topo da Pirâmide do Sol.

teotihuacan-mexico-7

Pirâmide da Lua, bem de perto,  vista através do topo da Pirâmide do Sol.

teotihuacan-mexico-4

teotihuacan-mexico-10

Esse é um monumento que ninguém dá bola mas foi o que mais chamou minha atenção. A energia dele é incrível! E ele é citado no vídeo acima.

teotihuacan-mexico-3

teotihuacan-mexico-16

Em frente à Pirâmide da Lua em 2017. Repare que as pessoas podem subir apenas até o primeiro nível, os demais estão proibidos por questão de segurança.

teotihuacan-mexico-6

Em frente à Pirâmide da Lua em 2015. Esse dia não consegui subir porque já eram quase 17h e o parque fecha esse horário.

teotihuacan-mexico-solObservando o Sol através de uma pedra de obsidiana, em frente à Pirâmide do Sol. (Vide mais sobre isso no vídeo)

teotihuacan-mexico-13

Entrada para a cidade de Teotihuacan, um Pueblo Magico. Está depois do complexo, vindo pela CDMX.

 


Textos, Fotos e Vídeo: Dalila Barakat

Visitas realizadas em maio de 2014 e agosto de 2017


 Confira todas nossas dicas do México


 

Viaje tranquilo com o Mil e Uma Viagens

Conheça nossos parceiros e ajude o blog comprando através dos links abaixo.

Reserve seu hotel em qualquer lugar do mundo com o Booking.

Alugue seu carro com a Rent Cars. Compare os melhores preços e reserve já o seu.

Garanta a internet no seu celular. Compre o chip do Easy Sim 4u.

 


 

 

Facebook Comments

Sem Comentários