A Península de Yucatán, localizada no sudeste do México, foi o berço da civilização maia por mais de mil anos.

Yucatán, uma das regiões mais culturalmente diversificadas do país, e oferece uma oportunidade incrível para viajantes em busca de história e cultura riquíssimas.

Para chegar lá, o principal aeroporto para vôos comerciais é o de Mérida, cidade colonial que hoje é a capital do estado de Yucatán.

Mas muitas pessoas também optam por voar para Cancún, de onde é possível chegar ao coração da região por terra.

Quer uma outra alternativa? Que tal voar até o México usando um jatinho privado?

A sugestão pode até parecer inusitada, mas o mercado de fretamento de pequenas aeronaves particulares para o uso em viagens de turismo vem se desenvolvendo bastante.

Empresas como a Chapman Freeborn já estão preparadas para lidar com o aumento da demanda, inclusive no Brasil.

Seja a bordo de um jatinho luxuoso ou não, o fato é que conhecer a Península de Yucatán realmente vale a pena.

A região conta com diversos sítios arqueológicos maias que nos dão pistas de como era o dia a dia desta civilização tão fascinante e cercada de mistério.


Sítios arqueológicos

Chichen Itzá, eleita uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno, é a maior, mais famosa e mais visitada cidade arqueológica da civilização maia.

A cidade funcionou como um centro de peregrinação por mais de 1000 anos e suas ruínas bem conservadas impressionam até os dias de hoje.

El Castillo-Chichen_Itza

El Castillo, Chichen Itza

 

Vale a pena conhecer a Pirâmide de Kukulcán, ponto mais famoso de Chichen Itzá. Na verdade, trata-se de um templo dedicado ao deus maia “Serpente Emplumada”.

Outro ponto de interesse é “O Caracol“, que funcionava como observatório astronômico.

Também é importante citar o Cenote Sagrado, cujo nome alternativo é “Poço do Sacrifício“. Neste local eram praticados sacrifícios humanos como forma de adoração ao deus maia Chaac.

As ruínas de Uxmal podem até ser menos conhecidas, mas nem por isso são menos interessantes.

Com lugar garantido entre as mais bonitas e bem conservadas ruínas maias, elas possuem uma arquitetura um pouco diferente, rica em detalhes e elementos esculturais.

A estrutura mais impressionante é certamente a “Pirâmide do Adivinho“, com quase 40 metros de altura.

Também vale a pena conhecer o “Quadrilátero das Freiras“.

800px-Coba_Nohoch_Mul-27527

Coba Nohoch

 

Para quem quer conhecer ainda mais e visitar outros sítios arqueológicos menos turísticos, Cobá pode ser uma boa opção.

Trata-se de um complexo de ruínas parcialmente restaurado localizado na selva de Yucatán.

Há várias construções interessantes, incluindo uma pirâmide de 42 metros, diversos templos e um observatório astronômico.


Sombra e água fresca

Para visitar ruínas maias localizadas junto a paisagens de tirar o fôlego, não deixe de conhecer Tulum.

Apesar de relativamente pequenas quando comparadas aos sítios dos quais falamos antes, o mar cristalino e a praia de areia branca garantem um visual inesquecível.

Tulum-Seaside

Tulum

 

Além disso, pode ser um ótimo local para aproveitar as muitas opções de hotéis e relaxar após dias intensos de caminhada e visitação dos resquícios da civilização maia.

Para quem busca férias um pouco mais ativas, também é possível praticar mergulho e kitesurf na região.

A Península de Yucatán também é conhecida pela presença de parques ecológicos, como o famoso Xcaret.

Focados na conservação da fauna e flora da região, eles se tornaram atrações turísticas onde os viajantes podem aprender mais sobre a cultura e aproveitar outras atividades.

Um bom exemplo disso é nadar com golfinhos, ótima pedida principalmente para quem estiver com crianças.


Um lugar completo

Por todos esses motivos, a Península de Yucatán é um dos destinos mais visitados do México, oferecendo muita cultura e história de uma das civilizações mais antigas e importantes do mundo.

Se você ainda não sabe para onde quer ir nas próximas férias, certamente não irá se arrepender se decidir fazer uma visita ao México.

Em breve farei um post sobre as Pirâmides de Teotihuacan, que fica a aproximadamente 40km da Cidade do México. Fique de olho 🙂


Por Dalila Barakat

Post Patrocinado


 

Veja todas nossas dicas do México

 


Facebook Comments

5 Comentários