Zorah Beach Hotel é sinônimo de sofisticação e tranquilidade num ambiente rodeado por belezas naturais, dentre dunas, coqueirais, praia de areia branca, águas mornas e piscinas naturais.

 


CONCEITO

Zorah Beach Hotel recebeu prêmio de melhor hotel do Brasil, de pequeno porte pelo Trip Advisor em 2015, foi indicado como um dos 5 melhores hotéis de praia do Brasil pelo internacional Luxury Travel, obtém uma pontuação de 9,2 no Booking, e está no mesmo patamar dos Small Luxury Hotels tais como Ponta dos GanchosTxai e Nanai.

Ao adentrar o Zorah, logo você nota que o proprietário tem algo relacionado à Ásia pois a decoração é toda temática, o que traz ainda mais exclusividade ao local. Os objetos de muito requinte e bom gosto foram todos trazidos da Índia e Tailândia.

zorah-beach-hotel-trairi-lobby

O Lobby

 


LOCALIZAÇÃO

O hotel está localizado na praia do Guajiru, no município de Trairi, no Ceará, a 140 km de Fortaleza (aprox 2 horas de carro pela CE-085), 4km de Flecheiras e a 190km de Jeri (aprox 3 horas de estrada, pela CE-085) a praia nada mais é do que uma vila de pescadores frequentemente visitada por europeus que gostam de praticar kitesurf e pela alta sociedade cearense que busca sossego.

zorah-beach-hotel-trairi-fachada-praia

A entrada pela praia.

zorah-beach-hotel-trairi-praia-4


Os barcos dos pescadores, bem ao lado do hotel

 


ACOMODAÇÕES

 

Como disse acima, é um hotel pequeno, são apenas 22 acomodações, sendo 01 Vila, 05 Bangalôs e 16 Suítes.

Todas elas oferecem cama super king size (2m x 2m), lençóis e roupa de banho Trussardi de algodão egípcio, travesseiros de pluma de ganso, roupão, amenities L’Occitane (#AMO), secador de cabelo, cofre, frigobar (com Veuve Clicquot!), ar condicionado, cafeteira Nespresso, telefone, Sky TV e Internet Wi-Fi. De todos os itens o único que fica a desejar é a conexão com a internet, mas a culpa não é do hotel e sim da região onde o sinal satélite é realmente muito fraco, quase inexistente.

Ou seja, é o lugar ideal para sua primeira, segunda, terceira lua de mel ou simplesmente para um refugio sossegado. Eu mesma fui com uma amiga e curtimos muito o conforto e a tranquilidade que o local proporciona.

As suítes ficam ao fundo, e cada uma delas tem sua saída a uma direção diferente, ou seja, é muito raro você encontrar seu vizinho entrando ou saindo do apartamento. Elas têm 50 m² e varanda. Os banheiros são um caso à parte! Todos possuem banheiras de hidromassagem.

Mais à frente, estão os bangalôs de 90 m² cada. Eu fiquei em um destes! 😀 As camas têm aquelas cortinas estilo cama de rainha, sabe? (não lembro o nome disso), as varandas são enormes e têm uma chaise (nada mais revigorante que passar a noite alí, olhando as estrelas) e nos banheiros, a hidromassagem é um jacuzzi que dá para 2 pessoas. Uma delícia! A minha estava com um probleminha, eu solicitei um técnico e ele foi imediatamente arrumar.

zorah-beach-hotel-trairi-bangalo

Bangalô TOP.

zorah-beach-hotel-trairi-bangalo-cama

(Foto: divulgação) Essa foto eu tive que pegar do site oficial do hotel porque os quartos geralmente ficam mais escuros, com a luz baixa, por isso as fotos de dentro não saíram boas.

zorah-beach-hotel-trairi-bangalo-banheiro

 


LAZER

O hotel oferece uma piscina com borda infinita MARA, uma pequena jacuzzi entre a piscina e a praia, decks molhados e gazebos balineses, que nos resorts do Líbano nós chamamos de bangalô ou área Vip. E é realmente Vip. Ninguém te vê e você não vê ninguém, se quiser solicitar algum serviço, basta apertar um botão que fica alí encima da mesa, entre as almofadas Veuve Clicquot.

Para passeios, eles oferecem aluguel de buggy, quadriciclo e lancha. Como lá venta muito, a região é ótima- uma das melhores do mundo- para wind e kitesurf.

Se quer algo mais tranquilo ainda, dá para caminhar até Flecheiras, são apenas 4km pela praia.

Em frente ao hotel, do lado da estrada, tem um monte de dunas que vale a pena subir para assistir ao pôr do sol.

zorah-beach-hotel-trairi-piscina-11
zorah-beach-hotel-trairi-piscina-9
zorah-beach-hotel-trairi-piscina-2
zorah-beach-hotel-trairi-piscina-8
zorah-beach-hotel-trairi-piscina-5
zorah-beach-hotel-trairi-piscina-1
zorah-beach-hotel-trairi-praia-1
zorah-beach-hotel-trairi-praia-5
zorah-beach-hotel-trairi-praia-6

zorah-beach-hotel-trairi-duna-sunset


GASTRONOMIA

Zorrah Beach Hotel conta com um Bar de piscina e um Restaurante, ambos frente ao mar.

O café da manhã infelizmente deixou a desejar, não nas opções ou no visual, mas no sabor mesmo. Não gostei do quiche, nem dos pães, poderia ser melhor. Cheguei a duvidar que era a mesma chef que cuidava de todas as refeições, eles disseram que sim mas que iriam rever o buffet após meu comentário. Tomara que sim. Na realidade, o ideal para um hotel desse perfil era ter café da manhã la carte, personalizado, como neste aqui.

Já, os pratos do jantar foram de comer de joelhos. Muito muito bons mesmo.

A gastronomia tem um toque contemporâneo misturado com sabores locais e oferece também pratos típico indianos, deliciosos! O serviço é indiscutivelmente bom. Achei todo o staff bem treinado e atencioso, claro que trabalham no ritmo nordestino, diferente do frenético paulista, mas também, estando num paraíso desse vai ter pressa do que?

zorah-beach-hotel-trairi-breakfast-3

zorah-beach-hotel-trairi-breakfast

No jantar, pedimos de entrada Lagosta Tailandesa, filé de lagosta com lascas de abacaxi e alho poró no molho de leite de coco e curry vermelho. Meu prato principal foi o Grelhados de Frutos do Mar, indescritivelmente delicioso, e minha amiga Ana pediu Serigado Grelhado com camarão, arroz negro e um tempero divino. De sobremesa fomos de Chessecake desconstruído.
Entrada: lagosta
Entrada: Lagosta tailandesa. Filé de lagosta com lascas de abacaxi, alho poró, molho de leite de coco e curry vermelho.
zorah-beach-hotel-trairi-food-2

zorah-beach-hotel-trairi-food-4

zorah-beach-hotel-trairi-food

Cheesecake desconstruído

 


Fotos e Texto: Dalila Barakat

Me hospedei no Zorah em dezembro de 2015, por 2 noites, e o hotel me ofereceu o upgrade de suíte para bangalô.

4 Comentários

  • Responder
    William
    25/01/2016

    Dicas maravilhosas, o difícil e manter o foco na academia com todos esses pratos!

    • Responder
      25/01/2016

      hahahaha Verdade.
      Eu, como não sou TÃO disciplinada com esportes, deixo a academia só pra quando estou em casa. Enquanto viajo, curto ao máximo a gastronomia local, ainda mais estes pratos, fala sério?! Hummm :p