O que você conhece sobre a Aromaterapia?

Tem alguma ideia de sua origem e para que serve?

Sabe onde e como usar os Óleos Essenciais e Vegetais?


 

Historia da Aromaterapia

Os cheiros sempre fascinaram a humanidade desde sua aurora.

As civilizações hindu, árabe, chinesa e a do Mediterrâneo são as que possuem destacada atuação no desenvolvimento da Aromaterapia.

Na Índia, por exemplo, as águas perfumadas são amplamente utilizadas já mais de 5 mil anos, especialmente nos métodos de tratamento ayurvédica a base de plantas naturais.

A canela, o cardamomo, o manjericão, o gengibre, o coentro, a mirra e muitas outras plantas estão presentes em  numerosas receitas terapêuticas como banhos, massagens e outras práticas relaxantes, bem como, na sua alimentação.

Similarmente, na China, há 3.500 anos, extraiam-se óleos essenciais das plantas por laceração em óleos vegetais para serem utilizados em massagens.

No Egito Antigo , por sua vez, as plantas aromáticas eram utilizadas em vinhos, em anestésicos e, principalmente, em rituais como o de embalsamento .

Aliás, essa técnica, que consagrou os egípcios, usava cedro, manjericão, mirra, canela, cipreste, olíbano, cravo e gengibre.

Assim, depois da retirada dos órgãos internos do corpo, introduziam-se perfumes, resinas e eram preparados fragrantes nas cavidades toráxicas e abdominais.

Os egípcios reconheciam ainda a importância da saúde, beleza e higiene e, como ninguém, os efeitos das substâncias aromáticas no corpo e na mente humana.

Tanto que uma de suas principais representantes é a rainha Cleópatra, imortalizada através da beleza, valendo-se de receitas aromáticas para os cuidados do corpo.

Conjuntamente gregos e romanos também utilizaram os aromas para perfumarem vestes, templos, vinhos, suas casas e mobiliário. Acreditavam que o perfume das plantas era formulado pelos deuses do Olimpo.

Da mesma forma, os árabes, também especialistas nas formas de extração das substâncias aromáticas, redescobriram a arte da destilação egípcia e elaboraram um processo mais preciso, sendo um dos primeiros a usar Óleos Essenciais como utilizamos hoje.

E ainda, graças à invenção do médico persa Avicenna (aquele do filme O Físico, sabe?), temos o destilador a vapor que utilizamos hoje.

 


Como funciona a Aromaterapia hoje?

Segundo bem consta no site da Terra Flor, Aromaterapia é utilizar a seu favor as sensações, sentimentos, memórias, reações físicas e todos outros estímulos provocados pela inalação dos aromas.

É uma ciência ligada à química molecular.

Através de pesquisas realizadas desde o início do século XX até os dias de hoje, ficou demonstrado como as moléculas presentes nos óleos essenciais possuem informações químicas que ajudam a manter nossa saúde e equilíbrio orgânico de maneira natural e efetiva.

Enquanto os óleos essenciais podem ser considerados os hormônios das plantas, com funções que vão da atração de polinizadores, repulsão de predadores até regulagem química de funções metabólicas.

Podem atuar como anti-sépticos, antimicrobianos, cicatrizantes, ter efeito relaxante, sedativo, estimulante, afrodisíacos e muitos outros, atuando não só em nosso físico mas modulando humores e emoções.

Os óleos vegetais, por sua vez, são extraídos das partes gordurosas das plantas por prensagem a frio e, diferentemente dos OE (óleos essenciais), não possuem aroma intenso.

Assim, sua riqueza está no alto teor de vitaminas e nas propriedades emolientes que nutrem e mantém a suavidade e a flexibilidade da pele.

Os OV (óleos vegetais) podem ser usados puros ou em sinergia com outros óleos vegetais e essenciais.

 


Aromaterapia para previnir-se da COVID-19

Hoje, 29 de março de 2020, estamos em plena quarentena forçada, no mundo inteiro, para nos preservar da COVID-19, o novo Corona Vírus, que se originou na China em dezembro de 2019 e se espalhou em todo o planeta.

Foi essa situação, inclusive, que me estimulou a fazer uma LIVE no IG com esse tema, bem como, esse post que vocês lêem agora.

Isto posto, pra começar, seguem destacados os principais óleos essenciais anti virais:

  • 2 óleos essenciais se destacam como antivirais e imuno-estimulantes: eucalipto e melaleuca (ou tea tree).

Com relação a estes citados acima, e aos ilustrados abaixo, a indicação de uso é:

  • Pingar 3 gotas do OE na planta do pé e friccionar ou pingar 2 gotas no travesseio antes de dormir.

 

 

 

Matéria completa do Terra-Flor para prevenção do Covid-19, em pdf

 


Óleos Essenciais para Depressão

Da mesma forma, a monitonia da quarentena e o medo de ser contaminado podem propiciar uma certa melancolia e episódios depressivos.

  • Considerando isso, o óleo mais indicado é o de bergamota, por ser antiviral e anti-depressivo ao mesmo tempo.
  • Outros óleos moduladores de humor são laranja doce e limão.
  • Outrossim, via de regra, os cítricos auxiliam a previnir ou combater a depressão.

Ademais, a do Terra tem um blend chamado Serenity, que seria uma mistura de diversos OE compatíveis direcionados à Serenidade, conforme imagem abaixo.


Óleos Essenciais para Insônia

Os óleos tem uma atuação no corpo físico e também no energético.

Desse modo, do ponto de vista energético, ao utilizar um óleo que regule a vibração no primeiro chakra, facilita-se pegar no sono, já que um dos motivos na dificuldade de dormir é a mente em hiper-funcionamento.

Então, segundo a medicina Ayurveda, ao ativar o primeiro chakra, promove-se um aterramento energético e a mente pode ficar mais tranquila.

  • Neste sentido, óleos interessantes para o primeiro chakra são patchouli, vetiver, manjericão e canela. 
  • Além do mais, a imagem abaixo, contem mais alguns indicados pelo site do Terra, como a lavanda e o cedro.

 


Formas de uso dos Óleos Essenciais

  • Creme ou Oleo Neutro (pote precisa ser de vidro, 15 gotas de cada OE em 100g de creme/oleo neutro).
  • Aromatizador pessoal (1 gota diária).
  • Escalda pés (3 gotas).
  • Banheira (5 gotas).
  • Pingar no travesseiro (2 gotas).
  • Em álcool 70% pode-se adicionar 15 gotas de cada um desses óleos para cada 200 ml de álcool.
  • Sempre fazer a diluição no mel ou álcool de cereal antes de colocar na água.
  • Aromatizador de ambiente (aproximadamente 15 gotas).
  • Banhos (20 gotas após encher a banheira dissolvidas em uma colher de sopa de óleo vegetal).
  • Compressa (5 a 10 gotas em 1/2 litro de água).
  • Inalação (2 gotas em um lenço ou inalador com soro fisiológico ou água).
  • Massagem (1 a 3 gotas por colher de sopa de óleo vegetal).
  • Óleo para rosto (1 gota em 1 colher de sopa de carreador).
  • Cabelos (1 a 3 gotas por colher de sopa de óleo vegetal ou shampoo).
  • Uso tópico (5 gotas por colher de sopa de óleo vegetal).

Os óleos essenciais são substâncias concentradas e devem ser usados sempre diluídos.

De preferência, utilizados sob a orientação de um profissional qualificado.

 


Tempo de ação dos Óleos Essenciais

Segundo alguns estudos,

Em 22 segundos, as moléculas atingem o cérebro, em 2 minutos, as moléculas se encontram na corrente sanguínea, e em 20 minutos, as moléculas atingem todas as células do corpo.

 


Resumo Simples da Aromaterapia

Para dores em geral, os óleos de árvores são os indicados.

Pele, os florais.

Doenças, as ervas.

E para humor, os cítricos, conforme já citado anteriormente. 😉

Abaixo, outro resumo simples e bacana que relaciona os OE (e cores) mais indicados para cada um destes órgãos, veja:

 


Qual marca comprar?

Primeiramente, vale dizer que a preferência por marca varia de pessoa a pessoa e vai se estabelecendo com o uso.

Eu gosto muito dos óleos da Lazlo, Terra Flor, by Samia e Bio Essência.

A marca Do Terra é internacional e muito conhecida, por outro lado, muito cara e mais difícil de achar.

Então, você pode comprar diretamente no site destas empresas ou em lojas e e-commerce de produtos holísticos.

 


Óleos Essenciais em Bebês ou Gestantes

Em gestantes o uso é apenas indicado havendo acompanhamento por profissional especializado, principalmente nos 3 primeiros meses.

 


Livros indicados sobre Aromaterapia

  • Guia Completo de Aromaterapia – Joanna Hoare
  • Aromaterapia para doenças comuns – Shirley Price
  • A Bíblia da Aromaterapia – Gill Farrer-Halls
  • Aromaterapia – Patricia Davis (para consultas rápidas e focadas a partir de verbetes)
  • Tudo sobre Aromaterapia – Adão Roberto da Silva

Ou simplesmente siga sua intuição, ela nunca falha. 🙂

 


Texto embasado em matérias contidas no site Terra Flor , no IG Do Terra e em entrevista feita com o terapeuta Bruno Esteves


 

Você sabe o significado do Natal?

 


 

Comentários do Facebook

4 Comentários