Vale Charuri, para alguns, pode ser apenas mais um vale do Líbano


Wadi Chahrur ou Vale Charuri?

Primeiramente, em árabe, Wadi Chahrur é também pronunciado como Wadi Chahrour ou Wadi Shehrur, dependendo do sotaque/acento da pessoa.

Já, em português, como o “h” não é pronunciado e substantivos, na nossa fonética, dificilmente terminam sem uma vogal, Chahrur lê-se Charure ou Charuri.

Traduzindo, Wadi é Vale, portanto, Wadi Chahrur, em árabe, significa Vale Charuri, em português.

Esse vale está a aprox 16 km da capital libanesa Beirut e a uns 20 km da cidade onde moro no Líbano, chamada Lucy.

A primeira vez que visitei esse vale foi em 2004 e, nessa oportunidade, entrevistei alguns locais. Pena que faz muito tempo e por isso não sei bem onde está o vídeo, mas assim que o encontrar eu subo aqui pra vocês.

De tudo que foi visto e conversado vou contar mais abaixo 2 fatos que mais me marcaram.

 


Video com Overview do Vale Charuri

 

 


Mas antes, o que significa a palavra Chahrur em árabe?

A palavra Chahrur significa melro-preto, vulgarmente conhecido como mérula, uma ave pertencente ao género Turdus.

Em inglês, black bird.

Essa ave é muito semelhante ao beija-flor colibri, aquele que se alimenta do néctar das flores e que é mais conhecido aqui no Brasil. 😉

Em uma das entrevistas que fiz, um padre me explicou que a cidade leva esse nome porque, além de ter muito desse pássaro cantarolando por lá, dessa cidade saíram diversos poetas, cantores e filósofos. Profissões que, de certa forma, se assemelham ao belo canto deste pássaro.

Eu, particularmente, achei tão interessante a história que fui pesquisar mais sobre o tal pássaro e veja o que encontrei:

  • Essa postagem aqui diz que o melro é uma ave negra com ar misterioso, um tanto solitário e com um canto inconfundível.

Diz também que ele mantém um estado de vigilância, que o ajuda com os predadores e então ela faz a ligação do melro com o Yoga, Tai-Chi ou Chi Kung  que induzem os estados meditativos e vigilantes como a Consciência Desperta.

Segundo sua análise, “o melro pede-nos para sermos mais independentes. Quanto mais expressarmos nossos dons, talentos, poderes criativos, emoções e sentimentos, mais expressaremos a voz da nossa alma e o Espirito Santo fluirá através de nós.

Diz-se ainda que o seu canto pode adormecer os vivos e despertar os mortos, outra versão é que pode colocar os ouvintes num transe que os transporta para outros mundos/dimensões.”

  • Esse dicionário de símbolos, por sua vez, diz que pássaro simboliza a inteligência, a sabedoria, a leveza, o divino, a alma, a liberdade, a amizade e por possuírem asas e o poder de voar, em muitas culturas são considerados mensageiros entre o céu e a terra.

Com minhas palavras, eu diria que, um pássaro simboliza mensageiro da boa nova e, quanto mais encantador for seu canto, mais bela será a forma de expressar a boa nova.

Não foi à toa que o padre fez a analogia dos cantores, poetas e filósofos que desta cidade saíram mundo afora.


Video com o Canto do Blakbird

 


Como é o Vale Charuri

1- Pessoas extremamente alegres e receptivas.

Não demorou muito para perceberem que eu não era de lá.

Talvez pela forma deu me vestir, mais moderna do que a de uma pessoa do campo, como eles.

Talvez pelo meu olhar curioso e intenso para cada casa, cada janela e para cada pessoa que eu encontrava.

Ou ainda simplesmente por eu estar com uma câmera fotográfica na mão em uma cidade que não tem nenhuma atração turística.

As senhoras me chamavam para entrar na casa delas e tomar um café. (fofas!) Queriam me receber e certamente queriam saber o que eu estava fazendo lá. rs

Imagina um vale com menos de mil habitantes, onde todos se conhecem?

Quando aparece qualquer elemento diferente é uma novidade.

Teve até uma criançada que brincava na rua e que pediu para tirar foto comigo. rsss (vou achar essa foto!:D não é essa que segue abaixo).

2- Em entrevista com o padre ortodoxo ele me contou que:

A cidade é majoritariamente cristã, quase metade ortodoxa e a outra metade católica maronita, sendo que as duas igrejas ficam uma em frente à outra.

Para quem não sabe, a religião grego ortodoxa é uma das mais antigas, portanto, uma das que mais se assemelha às tradições da época de Cristo.

Enquanto a maronita é uma linha católica que se originou no próprio Líbano, através de Saint Maron, e fortemente disseminada por Saint Charbel, patrono do país.


Confira algumas fotos do Vale Charuri no Líbano

 

Logotipo da Municipalidade, com o melro

Placa de entrada à cidade

Igreja Maronita

Missa Ortodoxa

Me lembro tão bem deu subindo essa rua à pé, de plataforma e com câmera fotográfica na mão. rsss

Olha ele aí!


Fotos: Dalila Barakat, A. Badawi e Fanpage


 

Essa matéria foi escrita na semana da Páscoa de quarentena, abril 2020, em homenagem àquele que me mostrou quem foi Cristo e qual é a sua missão na Terra e além dela, Dr Celso Charuri, grande filósofo e mestre, filho de Elias Charure, quem por sua vez veio desse vale no Líbano, Wadi Chahrur.


 

Comentários do Facebook

7 Comentários

  • Responder
    Eunice
    09/06/2020

    Maravilhoso! Que bom conhecer a história do nosso mestre! Muito obrigado amiga!

  • Responder
    Márcia
    11/06/2020

    Excelente matéria e homenagem, Dalila, obrigada!

  • Responder
    João
    11/06/2020

    Adorei, muito bonita e aconchegante cidade

  • Responder
    Donisete
    12/06/2020

    Parabéns Dalila pela linda reportagem (grande documentário).
    Obrigado por despertar tantas emoções neste dia especial 11/06/2020.

  • Responder
    Vilma
    13/06/2020

    Que Espetáculo!! Que bom conhecer essa historia do nosso grande mestre!!’obrigado!!

  • Responder
    José Reinaldo
    18/06/2020

    Maravilhoso lugar. Obrigado pela matéria